Faithlife Sermons

Um bom ministro de Cristo I Tm 4.1-16

0 ratings
· 8 views
Notes
Transcript

Introdução -

As Epístolas de Paulo a Timóteo e Tito são conhecidas como “cartas pastorais”. Pensando na história da Igreja desde o seu início, essa expressão veio surgir apenas (por volta) de 1274 por Tcomás de Áquino. Willian Barcley nos diz que as cartas “chamadas pastorais” nos dão uma imagem tão vivida (prática) do dia a dia de uma Igreja e um ministro de Cristo. Hernandes Dias Lopes diz que essas cartas são extremamente úteis para a liderança contemporânea, porque os problemas do passado abordados ali são basicamente os mesmos enfrentados hoje. (dias atuais). O apóstolo Paulo, depois de falar das qualificações dos líderes da Igreja, volta sua atenção para o caráter e a obra do próprio ministro. Gostaria de destacar na mensagem de hoje dois pontos principais para refletirmos:
a) O perigo da apostasia e falsos ensinos; v.1-5
b) A vida do Pastor no ensino, exemplo e cuidado do renhanho; v.6-16.

O perigo da apostasia e falsos ensinos - 1-5

O Espírito Santo profetizou que nos “últimos tempos” alguns abandonariam a fé NVI - ou alguns apostatarão da fé RVA. (v1). “apostatarão” no grego é “aphistemi” - abandonar, partir; ir embora. (fé no grego pistis.)
A expressão “últimos dias” não se refere apenas a um período escatológico do fim, mas todo período da era cristã subsequente ao ministério de paulo e dos apóstolos até a volta de Cristo. (Mt 2411; Mc 11.32) fala de falsos profetas e falsos cristos que enganariam a muitos. (ver II Tess. 2.1-3).
Outro detalhe - no v.1b / nos mostra que as heresias e os falsos mestres são “inspirados” - influenciados por demônios.
A apostasia da época de Paulo e timóteo era caracterizada pelo legalismo nas áreas de casamento e alimentos. bençãos ordenadas por Deus. v. 2-5; Uma característica do falso mestre ou falso Pastor é que são hipócritas: falam uma coisa e vivem outra. Não é um problema apenas teológico, mas tambem moral.

A vida do Pastor no ensino e no exemplo v.6-16.

O versículo 6 diz: “será um bom ministro de Cristo Jesus” - essa afirmação é uma das mais centrais na carta! Porque estão concentrados os conselhos para o Pastor e para os bons servos de Cristo.
Para ser bom professor, Timóteo precisava ser alimentado com as palavras da fé e da boa doutrina, como vinha seguindo. Para sermos bons servos de Jesus Cristo, devemos estar cheios da Bíblia, que contém as palavras da fé e da boa doutrina. Ninguém dá o que não tem. // Evangélica, Editora Cristã. Cartas a Timóteo e Tito (p. 39). Editora Cristã Evangélica. Edição do Kindle.
Portanto, o que caracteriza um bom ministro de Cristo?
Alertar a Igreja sobre os enganos e falsas doutrinas e a apostasia. v. 6a.
O pastor que se alimenta, também alimenta o rebanho. v.6c. // O pastor precisa combater a mentira e promover a verdade.
O compromisso e atenção do Pastor para uma vida piedosa dele e do rebanho. v.7-8 // das quinze ocorrências da palavra grega “eusebia” traduzida por piedade, no Novo Testamento, 13 estão nas cartas pastorais. 9 em I timóteo. o sentido de piedade é “reverência” - “respeito” a Deus. O Pastor é um homem que precisa ter reverencia a Deus. Sua autoridade está na sua vida piedosa. as características do “presbítero” “pastor” nas cartas pastorais são muito mais morais, caráter e vida com Deus do que técnicas. CUIDADO IGREJA - ?? suscessão pastoral.
O pastorado é uma vocação para o trabalho - v.9-11 /// A vida pastoral não combina com preguiça e desleixo. deve-se labutar, empenhar-se ao máximo em levar pessoas a Cristo e discipular essas pessoas. “ORDENE E ENSINE ESSAS COISAS” - que coisas? esperança no Deus vivo; salvador de todos os homens; os que creem v.10; tem promessa de vida eterna v.8c.
O pastor precisa ser um exemplo para os fiéis - v.12-16 /// Timóteo era jovem, doente e alguns irmãos estariam inclinados a desprezar sua liderança (autoridade).
a) O pastor precisa ser um modelo - na palavra - não pode ficar falhando nessa área. não dá para tropeçar na própria língua. precisa tomar cuidado com os termos, na pureza, linguagem profana, precipitado no falar. Alguns entendem aqui na “pregação da palavra” - mas também no que não edifica. v.12.
b) o pastor precisa atentar para o procedimento - refere-se ao comportamento. Hernandes diz que a vida do líder precisa ser o avalista de suas palavras. v.12b. //
c) No amor - o pastor precisa carregar o amor de Cristo em sua vida. não será ressentido; vingador; não terá dificuldade em perdoar. v.12c. ///
d) Na fé - provavelmente fidelidade a Deus. aprender a depender de Deus. Confiar em Deus e ser fiel a Ele. v.12d. ///
e) Na pureza - pensamento e ato em conformidade com a lei moral de Deus. v.12e. /// Éfeso era um centro e impureza sexual e promiscuidade. Templo de Diana.
f) compromisso com as Escrituras - a leitura pública; à exortação; ao ensino.. v.13 ///
Related Media
Related Sermons