Faithlife Sermons

A Cruz e sua mensagem

A Cruz e sua mensagem  •  Sermon  •  Submitted
0 ratings
· 7 views

Culto Evangelistico domingo

Notes & Transcripts

A Cruz e sua mensagem

A cruz de Cristo é um símbolo do cristianismo que mais me chama a atenção, através dela sabemos que há remissão, resgate, redenção por um preço altíssimo, que nós jamais poderíamos pagar.
Cruz essa que até para Cristo era sinônimo de vergonha. Era castigo para um malfeitor, bandido, segundo uma tradição de um povo que estava lá perdido num lugar na terra, que com o passar dos tempos certamente seria esquecido. Pois era um procedimento desumano, tosco, grosseiro, infligiria tempos depois toda e qualquer sociedade por conta dos traços de crueldade. Certamente seria esquecido ou estaria apenas em livros de história como métodos de tortura de um povo barbaro qualquer.
Porém, não foi assim que Deus desejou, Ao mesmo tempo que vemos uma exortação do próprio Deus em e relembrado por Paulo aos Gálatas no cap 3, que seria maldito todo aquele que fosse pendurado no Madeiro. Portanto uma maldição do próprio Deus em relação àqueles que nela fossem pendurados, Vemos Deus Mostrando que a Cruz seria o simbolo máximo do sofrimento de nosso Jesus, que sem ela não poderíamos de fato ter vida.
Vamos ao nosso texto.ICo 1.17-25
17Cristo não me mandou ir baptizar, mas sim anunciar a boa nova, sem usar palavras de sabedoria humana para não tirar o valor à morte de Cristo na cruz.
18Com efeito, a mensagem da cruz é uma loucura para os que não se salvam. Mas, para nós que recebemos a salvação, é a manifestação do poder de Deus. 19Diz a Sagrada Escritura:
O significado da cruz de Cristo
18Com efeito, a mensagem da cruz é uma loucura para os que não se salvam. Mas, para nós que recebemos a salvação, é a manifestação do poder de Deus. 19Diz a Sagrada Escritura:
Destruirei a sabedoria dos sábios

17Cristo não me mandou ir baptizar, mas sim anunciar a boa nova, sem usar palavras de sabedoria humana para não tirar o valor à morte de Cristo na cruz.

O significado da cruz de Cristo

18Com efeito, a mensagem da cruz é uma loucura para os que não se salvam. Mas, para nós que recebemos a salvação, é a manifestação do poder de Deus. 19Diz a Sagrada Escritura:

Destruirei a sabedoria dos sábios

e desprezarei a esperteza dos inteligentes.

20Onde estão os sábios? Onde estão os doutores das Escrituras? Onde estão os entendidos nas coisas deste mundo? Não mostrou Deus que a sabedoria deste mundo não passa de loucura?21Pois, uma vez que Deus fez com que os homens não o reconhecessem pela sabedoria humana, ele achou por bem salvar os crentes por meio da mensagem que anunciámos, mesmo se ela parece uma loucura.22De facto, os Judeus pedem sinais milagrosos e os Gregos procuram sabedoria.23Mas nós anunciamos Cristo que morreu na cruz. Isto causa horror aos judeus e parece uma loucura para os não-judeus.24Mas para aqueles que foram chamados, quer sejam judeus quer não, Cristo é o poder e a sabedoria de Deus.25Na verdade, aquilo que nas obras de Deus parece loucura tem muito mais sabedoria do que toda a sabedoria humana e aquilo que parece fraqueza tem muito mais força do que toda a força humana.

e desprezarei a esperteza dos inteligentes.
20Onde estão os sábios? Onde estão os doutores das Escrituras? Onde estão os entendidos nas coisas deste mundo? Não mostrou Deus que a sabedoria deste mundo não passa de loucura?21Pois, uma vez que Deus fez com que os homens não o reconhecessem pela sabedoria humana, ele achou por bem salvar os crentes por meio da mensagem que anunciámos, mesmo se ela parece uma loucura.22De facto, os Judeus pedem sinais milagrosos e os Gregos procuram sabedoria.23Mas nós anunciamos Cristo que morreu na cruz. Isto causa horror aos judeus e parece uma loucura para os não-judeus.24Mas para aqueles que foram chamados, quer sejam judeus quer não, Cristo é o poder e a sabedoria de Deus.25Na verdade, aquilo que nas obras de Deus parece loucura tem muito mais sabedoria do que toda a sabedoria humana e aquilo que parece fraqueza tem muito mais força do que toda a força humana.
Sociedade Bíblica de Portugal. (1993). Bíblia Sagrada, A Boa Nova em Português Corrente (). Sociedade Bíblica de Portugal.
17Porque não me enviou Cristo para batizar, mas para pregar o evangelho; não com sabedoria de palavra, para que se não anule a cruz de Cristo.
18Certamente, a palavra da cruz é loucura para os que se perdem, mas para nós, que somos salvos, poder de Deus.19Pois está escrito:
A mensagem da cruz
18Certamente, a palavra da cruz é loucura para os que se perdem, mas para nós, que somos salvos, poder de Deus.19Pois está escrito:
Destruirei a sabedoria dos sábios e aniquilarei a inteligência dos instruídos.

17Porque não me enviou Cristo para batizar, mas para pregar o evangelho; não com sabedoria de palavra, para que se não anule a cruz de Cristo.

A mensagem da cruz

18Certamente, a palavra da cruz é loucura para os que se perdem, mas para nós, que somos salvos, poder de Deus.19Pois está escrito:

Destruirei a sabedoria dos sábios e aniquilarei a inteligência dos instruídos.

20Onde está o sábio? Onde, o escriba? Onde, o inquiridor deste século? Porventura, não tornou Deus louca a sabedoria do mundo?21Visto como, na sabedoria de Deus, o mundo não o conheceu por sua própria sabedoria, aprouve a Deus salvar os que crêem pela loucura da pregação.22Porque tanto os judeus pedem sinais, como os gregos buscam sabedoria;23mas nós pregamos a Cristo crucificado, escândalo para os judeus, loucura para os gentios;24mas para os que foram chamados, tanto judeus como gregos, pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus.25Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.

Paulo no verso 17 ja coloca o ponto em relação ao objetivo dele como pregador da palavra, ele diferente dos outros apóstolos que quando andavam com Jesus - Jesus proclamava o evangelho de salvação, portanto pregava e os discípulos batizavam os crentes (Jo4.1-1) .e obviamente aprendiam com o Senhor Jesus.
20Onde está o sábio? Onde, o escriba? Onde, o inquiridor deste século? Porventura, não tornou Deus louca a sabedoria do mundo?21Visto como, na sabedoria de Deus, o mundo não o conheceu por sua própria sabedoria, aprouve a Deus salvar os que crêem pela loucura da pregação.22Porque tanto os judeus pedem sinais, como os gregos buscam sabedoria;23mas nós pregamos a Cristo crucificado, escândalo para os judeus, loucura para os gentios;24mas para os que foram chamados, tanto judeus como gregos, pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus.25Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.
Sociedade Bíblica do Brasil. (2003). Almeida Revista e Atualizada, com números de Strong (). Sociedade Bíblica do Brasil.
Aqui vemos Paulo claramente dizendo que a pregação era seu objetivo!!, e não era uma pregação onde se valorizava a retórica e a eloquência, a um povo que valorizava a maneira como eram discursados, pois seus objetivos eram ser reconhecidos, pois nessa sociedade tinham essas pessoas que eram chamados de SOFISTAS, mestres clássicos que queriam chamar atenção da sociedade com verdades filosóficas, ensino e eloquência.
Onde a sabedoria não era um conceito abstrato e longe da sociedade isso fazia parte do cotidiano do modo de viver de Corinto, sabe o modo como o pensamento era construído determinava o propósito e as ações da vida de cada um. Esse era o conceito grego.. divagar, filosofar, e isso traria satisfação para alma e e geraria bem estar. E quem se dispusesse e de fato haviam escolas de “amantes da sabedoria” grandes oradores faziam então competições - panelinhas - pra discursar com grande eloquência e retórica.
Não !!!! Paulo abandonou tudo isso e trouxe a mensagem do evangelho de forma simples, e olha que Paulo era conhecedor da cultura grega, que estava entranhada em toda a sociedade e ele havia acabado de chegar de Atenas onde de fato foi um momento de grande estafa, cansaço emocional como vemos no verso de 1Co2.3 - E foi em fraqueza, temor e grande tremor que eu estive entre vós. Pois Paulo estava acostumado a ser expulso e escorraçado dos lugares, porém lá em Atenas o que aparenta é que sofreu indiferença e desprezo por parte dos atenienses.
E quando chega em Corinto vê esse mesmo comportamento mas isso não o abala, e ele entende perfeitamente qual o objetivo de sua missão - Pregar o evangelho de Jesus e esse Crucificado. e como está escrito no verso 17 - “Para que não se anule a Cruz de Cristo”. pois esse conceito todo estava entrando para dentro das casas de oração, as casas dos irmãos… um sabedoria humana em oposição a sabedoria de Deus … Eles passaram a confiar no modo de agir de Corinto, e não do da CRUZ, e isso era um ataque direto ao evangelho, por isso Paulo é tão intransigente tão enfático em combater isso no texto que lemos.
Chamando isso de loucura… Loucura para os que estão sendo salvos e conhecem a mensagem da cruz e se desviam com sabedoria Humana, e loucura para os perdidos pois não faz sentido a mensagem da cruz… E nisso entro nesses 2 aspectos, 2 campos, 2 tipos de pessoas:
Uma frase do autor (Preben Vang) de um comentário em 1 Corintios da série comentário expositivo : “ O oposto de loucura não é sabedoria humana, mas o poder de Deus!”. Preben Vang
1º grupo - A mensagem da Cruz para os que se perdem - em relação a salvação.
Dentro do texto vemos que são os Judeus lá verso 22a
Sociedade Bíblica do Brasil. (2003). Almeida Revista e Atualizada, com números de Strong (). Sociedade Bíblica do Brasil.
então entramos na mensagem da cruz, o que é essa mensagem e qual o impacto dela
Assim o era para os judeus e para muitos em nossos dias.
De imediato Paulo cita no verso 19 - Destruirei a sabedoria dos sábios e aniquilarei a inteligência dos instruídos. uma referência a isaias 29.14. e e argumenta com o povo judeu de modo bem sutil que Deus sempre revelou sua sabedoria de maneiras que estupidificam a sabedoria e a gloria humana.
Sociedade Bíblica do Brasil. (2003). Almeida Revista e Atualizada, com números de Strong (). Sociedade Bíblica do Brasil.
Os judeus haviam criado uma expectativa de como deveria ser o salvador (O Messias), Ele deveria ser alguém que demonstrasse grande autoridade e grande poder. Eles não podiam aceitar que o salvador viesse e morresse em uma cruz para salvá-los, esperavam um rei para libertá-los e ajudá-los a conquistarem outras nações.
Porém o verdadeiro Messias era ofensivo para eles e servia de escândalo (v. 23). O significado melhor de escândalo é pedra de tropeço. Esperavam determinados sinais do salvador – v. 22 ( e ) e um messias como Jesus servia-lhes de armadilha (tropeço). VERGONHA. Assim como os judeus daquela época muitos em nossos dias estão atrás de sinais para que a Palavra de Deus seja confirmada, não conseguem aceitá-la como é.
Sociedade Bíblica do Brasil. (2003). Almeida Revista e Atualizada, com números de Strong (). Sociedade Bíblica do Brasil.e ) e um messias como Jesus servia-lhes de armadilha (tropeço). 1.1.6. Assim como os judeus daquela época muitos em nossos dias estão atrás de sinais para que a Palavra de Deus seja confirmada, não conseguem aceitá-la como é.
GUSSO, ANTÔNIO RENATO. Sermões expositivos em todos os livros da Bíblia - Novo Testamento: Esboços completos que percorrem todo o Novo Testamento (Locais do Kindle 438-442). AD Santos Editora. Edição do Kindle.
ainda dentro desse 1º grupo estão os gregos (gentios)
GUSSO, ANTÔNIO RENATO. Sermões expositivos em todos os livros da Bíblia - Novo Testamento: Esboços completos que percorrem todo o Novo Testamento (Locais do Kindle 442-446). AD Santos Editora. Edição do Kindle.
No verso 22b - como os gregos buscam sabedoria
Assim era para os gregos e ainda é para muitos hoje (Gregos buscavam sabedoria – v. 23, se orgulhavam do raciocínio lógico que supostamente possuíam). Também na atualidade alguns só acreditam naquilo que possa ter coerência. Diante destes o plano simples da salvação, onde Jesus morre em nosso lugar, não passa de loucura. Querem algo mais elaborado para poderem crer. Não podem aceitar um Deus que morre no lugar de seus servos (Não conseguem ver muita aparência de sabedoria nisto).
Sociedade Bíblica do Brasil. (2003). Almeida Revista e Atualizada, com números de Strong (). Sociedade Bíblica do Brasil.
Sabe meus irmão a sabedoria humana tropeça justamente nela mesma, em vez de voltar-se par Deus.
GUSSO, ANTÔNIO RENATO. Sermões expositivos em todos os livros da Bíblia - Novo Testamento: Esboços completos que percorrem todo o Novo Testamento (Locais do Kindle 447-452). AD Santos Editora. Edição do Kindle.
No verso 20 quando Paulo pergunta - “onde Está?” ressalta a impotência desses sábios desses indivíduos.
2º Grupo - A mensagem da Cruz pra os que estão sendo salvos
Para os que se perdem a Mensagem da Cruz é motivo de ofensa e loucura, mas para os que se salvam o significado é bem diferente, e este é o significado verdadeiro.
Dizer a mensagem: A segunda tese da Declaração de Cambridge declara:
“Reafirmamos que nossa salvação é realizada unicamente pela obra mediatória do Cristo histórico. Sua vida sem pecado e sua expiação por si sós são suficientes para a nossa justificação e reconciliação com o pai.
negamos que o evangelho esteja sendo pregado se a obra substitutiva de Cristo não estiver sendo declarada e a fé em Cristo e sua obra não estiver sendo invocada.”
Conclusão:
Franklin Ferreira em seu livro PILARES da Fé diz o seguinte quanto a Cruz e o sofrimento - “Cristo crucificado nos ensina que Deus deliberadamente escolhe ficar ao lado das pessoas em sua dor. Essa é uma questão vital para nós!”
É somente por meio da teologia da cruz que somos estabelecidos como novo homem em Cristo, reunidos na igreja para magnificar aquele que pfoi crucificado, sendo apresentados a ele por meio da pregação e dos sacramentos, confortados por meio de seu sacrifício.
Então meus irmãos a loucura da sabedoria humana é revelada na segregação das pessoas. A sabedoria de Deus, em contrapartida , é o maior elemento igualador da humanidade.
Confere a cada pessoa o mesmo acesso à salvação. A cruz não apenas anula a diferença entre judeus e gentios, homens e mulheres (Gl3.8), mas que também acaba com qualquer distinção que os seres humanos venham a criar entre o culto e o inculto, o eloquente e o tagarela, o filósofo e o ignorante.
Pode parecer loucura para os sábios, mas Deus concede salvação àqueles que apostam sua vida no fato de que o evangelho revela a verdade.
Exemplos de sabed. humana e sabed. divina:
COnfundir riquezas humas com riquezas espirituais…
1. Trabalho x ensino do lar - raizes fracas e precisam de de significado e identidade
2. Trabalhadores cristãos todo tipo, eu e vc… quem aqui ao menos já pensou em meu lado profissional e lado espiritual/pessoal… olha os efeitos de uma uma vida dissolvida, dividida, sem integralidade.
Uma vida de sabedoria de Deus requer uma mudança de cosmovisão.
Ainda que isso possa ser considerado tolo e fraco pelos homens. Deus é muito mais sábio e forte que eles.
GUSSO, ANTÔNIO RENATO. Sermões expositivos em todos os livros da Bíblia - Novo Testamento: Esboços completos que percorrem todo o Novo Testamento (Locais do Kindle 452-454). AD Santos Editora. Edição do Kindle.
Related Media
Related Sermons