Faithlife Sermons

O cerne da tentação

Notes & Transcripts

INTRODUÇÃO

R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 946). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.

TENTA PELO DIABO

Aqui, pela primeira vez, os Evangelhos apresentam-nos o maior antagonista de Jesus no conflito entre o bem e o mal. Mateus chama-lhe “diabo” no versículo 1, “o tentador” no versículo 3, e no versículo 10 “Satanás” (adversário) – o seu nome próprio desde a queda do Génesis. Antes do capítulo 4, o diabo esteve ativo nos bastidores, como foi com Herodes, mas agora aparece em campo aberto e na linha da frente.
R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 944-947). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.
R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 944-947). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.

A TENTADO DE JESUS

Devemos também reconhecer que nem Deus nem o Espírito Santo são o agente ativo da tentação. Mateus é muito cuidadoso na sua descrição. “Então foi Jesus conduzido pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo.”
Mateus 4.1 RA
A seguir, foi Jesus levado pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo.
Tiago ensina-nos claramente que Deus não tenta ninguém ().
Tiago 1.13 RA
Ninguém, ao ser tentado, diga: Sou tentado por Deus; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e ele mesmo a ninguém tenta.
No entanto, Deus permite que os Seus seguidores se confrontem com a tentação para fortalecerem e desenvolverem o respetivo caráter. E, por isso, não nos devemos sentir em desarmonia com Deus quando nos encontramos em situações difíceis. Afinal, as tentações de Jesus surgiram logo após o clímax espiritual do Seu batismo.
Mateus 3.16–17 RA
Batizado Jesus, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba, vindo sobre ele. E eis uma voz dos céus, que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.
R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 947-951). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.

A NOSSA TENTAÇÃO

Os seguidores de Deus não estão livres das pressões do mundo. Em vez disso, é-lhes concedido poder para resistirem a essas forças. Assim foi com Jesus. Ele enfrentou as tentações comuns a outros seres humanos. Contudo, obteve a vitória ()
Hebreus 4.15 RA
Porque não temos sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; antes, foi ele tentado em todas as coisas, à nossa semelhança, mas sem pecado.
hb
R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 952-953). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.

AS TENTAÇÕES DE JESUS (I)

Com as tentações de Cristo, ficamos a conhecer a natureza essencial da própria tentação. Anteriormente, notámos que Cristo incarnado Se tinha “aniquilado a si mesmo” quando veio para a Terra ().
Filipenses 2.5–8 RA
Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz.
fp 2.
Isto é, voluntariamente, Ele pôs de lado os Seus atributos divinos e submeteu-Se às condições da vida que nós também enfrentamos. Enquanto esteve na Terra, Deus Filho viveu dependente de Deus Pai, exatamente como nós (, ; ; ).
João 5.19 RA
Então, lhes falou Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que o Filho nada pode fazer de si mesmo, senão somente aquilo que vir fazer o Pai; porque tudo o que este fizer, o Filho também semelhantemente o faz.
João 8.28 RA
Disse-lhes, pois, Jesus: Quando levantardes o Filho do Homem, então, sabereis que Eu Sou e que nada faço por mim mesmo; mas falo como o Pai me ensinou.
jo
João 14.10 RA
Não crês que eu estou no Pai e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo por mim mesmo; mas o Pai, que permanece em mim, faz as suas obras.
jo 14
Ele tornou-Se verdadeiramente um de nós.
R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 953-957). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.

AS TENTAÇÕES DE JESUS (II)

Por favor, lembremo-nos de que a Sua privação foi voluntária. Ninguém O forçou a tornar-Se humano. Foi Ele que decidiu fazê-lo. É neste aspeto de Cristo Se privar voluntariamente que encontramos a ênfase e a força das tentações que Ele enfrentou. Se o inimigo tivesse sido capaz de levar Jesus uma vez a “não Se privar”, e O tivesse levado a servir-Se do Seu poder “escondido”, o conflito teria terminado e Satanás seria o vencedor.
Usa seus poderes como Deus
Ellen G. White realça que:
“Lhe era tão difícil manter o nível da Humanidade como é difícil para os homens erguerem-se acima do baixo nível da sua natureza depravada e serem participantes da natureza divina” (Review and Herald, 1 de abril de 1875).
R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 957-962). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.

CONCLUSÃO

Nas tentações de Cristo encontramos também o centro das nossas. O cerne da minha tentação pessoal cada dia é deixar de depender de Deus e tornar-me autossuficiente para ser eu o deus da minha vida.
R. Knight, George. Fixa Os Teus Olhos Em JESUS: Meditações Matinais de 2018 (Locais do Kindle 962-964). Publicadora Servir / Maxishield International. Edição do Kindle.
Related Media
Related Sermons