Faithlife Sermons

Título. Onde está a tua satisfação?

Sermon  •  Submitted
0 ratings
· 6 views
Notes & Transcripts

Tema: Satisfação no serviço a Deus.

Tema: Satisfação no serviço a Deus.
Texto base: “12 Eu lhes suplico, irmãos, que se tornem como eu, pois eu me tornei como vocês. Em nada vocês me ofenderam; 13 como sabem, foi por causa de uma doença que lhes preguei o evangelho pela primeira vez. 14 Embora a minha doença lhes tenha sido uma provação, vocês não me trataram com desprezo ou desdém; pelo contrário, receberam-me como se eu fosse um anjo de Deus, como o próprio Cristo Jesus. 15 Que aconteceu com a alegria de vocês? Tenho certeza que, se fosse possível, vocês teriam arrancado os próprios olhos para dá-los a mim.” ()
()
Quando as pessoas vivem no conforto, elas esquecem-se de onde veio e esquece talvez, para onde vai.
Efésios 6.2–3 RC95
2 Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa, 3 para que te vá bem, e vivas muito tempo sobre a terra.
Com surgimento do que chamamos, a era do capitalismo, e o pseudo fim da aristocracia. A ideia que vivemos numa mentalidade sociologica em busca da liberdade a procurar do que eleva à uma postura de bem-estar, de conforto incondicional. Dentro deste pensamento não sabemos o verdadeiro sentido do deserto que está à nossa volta, e do papel de Servo do Deus vivo. Quando conseguimos sair do deserto, e começamos a ter uma vida mais equilibrada, temos a tendência de esquecer do Deus que tem proporcionado a verdadeira liberdade e satisfação.
Somos uma geração que estamos acostumados com o nosso bem estar, sem se preocupar com os outros. Será este é o nosso papel?

I. Conforto

Paulo em todo este capítulo 4 de sua carta aos galatas está a exortar sobre a verdadeira liberdade em Cristo, não da lei humanista, mas da lei de Deus, não da religião que escraviza; porque não dizer dos deuses que são fabricados e adorados hoje.(v8) Vive-se hoje um cristianismo que fabrica seus próprios deuses, você pode achar estranho; mas quantos deixam de servir a Deus por causa do dinheiro, o deus Mamom ((); quantos deixam de servir ao Deus verdadeiro por causa de seu trabalho, são escravos do trabalho para poder sempre ganhar mais sem prevê as consequências prioritárias espirituais, quantos deixam Deus por causa da família. Já ouvi alguém dizer, os filhos estão em primeiro lugar, e que não vão aos cultos para priorizar a família. O mandamento é: Deus em primeiro, 29 Respondeu Jesus: “O mais importante é este: ‘Ouve, ó Israel, o Senhor, o nosso Deus, o Senhor é o único Senhor. 30 Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todo o seu entendimento e de todas as suas forças. 31 O segundo é este: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo. Não existe mandamento maior do que estes”. () NVI. Falo da família neste contexto descrito. Não confunda. “Honra a teu pai e tua mãe”; este é o primeiro mandamento com promessa, 3 para que vivas bem e tenhas vida longa sobre a terra.” ()Tudo que você coloca em primeiro substituindo o Deus verdadeiro dando prioridade acima de tudo, para mim, é um deus fabricado. É um Deus que toma o seu coração substituindo o Deus do céu. Hoje podemos ter a liberdade de sermos livres em Cristo e com o desejo ardente de forma alegre fazer à sua vontade.
Com surgimento do que chamamos, a era do capitalismo, e o pseudo fim da aristocracia. A ideia que vivemos numa mentalidade sociologica em busca da liberdade a procurar do que eleva à uma postura de bem-estar, de conforto incondicional. Dentro deste pensamento não sabemos o verdadeiro sentido do deserto que está à nossa volta, e do papel de Servo do Deus vivo. Quando conseguimos sair do deserto, e começamos a ter uma vida mais equilibrada, temos a tendência de esquecer do Deus que tem proporcionado a verdadeira liberdade e satisfação.
Somos uma geração que estamos acostumados com o nosso bem estar, sem se preocupar com os outros. Será este é o nosso papel?
Quando as pessoas vivem no conforto, elas esquecem-se de onde veio e esquece talvez, para onde vai.

Saco furado;

No conforto nem sempre há contentamento com o que tem. Sempre quer mais, é insaciável, vive numa expectativa que não passa de um saco roto. O povo que Deus tinha escolhido para ser seu, o povo que Deus sempre esteve presente no meio deles, no entanto, este povo não deu o devido valor para as dádivas de Deus. Israel.
5 Ora, pois, assim diz o Senhor dos Exércitos: Considerai o vosso passado. 6 Tendes semeado muito e recolhido pouco; comeis, mas não chega para fartar-vos; bebeis, mas não dá para saciar-vos; vestis-vos, mas ninguém se aquece; e o que recebe salário, recebe-o para pô-lo num saquitel furado. (.) ARA
5 Ora, pois, assim diz o Senhor dos Exércitos: Considerai o vosso passado. 6 Tendes semeado muito e recolhido pouco; comeis, mas não chega para fartar-vos; bebeis, mas não dá para saciar-vos; vestis-vos, mas ninguém se aquece; e o que recebe salário, recebe-o para pô-lo num saquitel furado. (.) ARA
Almeida Revista e Atualizada (Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1993), .) ARA

Quando esquece Deus;

Para aqueles que esquece de Deus. Deus não é Senhor para estes, e sim, parece que é servo. Ao contrario do que Paulo ensinava neste texto, a igreja que estava na galáxia. Hoje dão ordem e não recebem ordem. Tal como: Eu ordeno, eu declaro.
a)Quando temos alegria no serviço do Senhor estamos dispostos a obedecer à sua vontade sem questionar às suas ordens.
“4 Assim veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: 5 Antes que eu te formasse no ventre, eu te conheci; e, antes que saísses da madre, te santifiquei e às nações te dei por profeta. 6 Então, disse eu: Ah! Senhor Jeová! Eis que não sei falar; porque sou uma criança. 7 Mas o Senhor me disse: Não digas: Eu sou uma criança; porque, aonde quer que eu te enviar, irás; e tudo quanto te mandar dirás. 8 Não temas diante deles, porque eu sou contigo para te livrar, diz o Senhor.” ()
b) Quando prontificamos à deixar o nosso conforto respondemos “ eis-me aqui, envia-me a mim”
Jeremias 1.4–8 RC95
4 Assim veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: 5 Antes que eu te formasse no ventre, eu te conheci; e, antes que saísses da madre, te santifiquei e às nações te dei por profeta. 6 Então, disse eu: Ah! Senhor Jeová! Eis que não sei falar; porque sou uma criança. 7 Mas o Senhor me disse: Não digas: Eu sou uma criança; porque, aonde quer que eu te enviar, irás; e tudo quanto te mandar dirás. 8 Não temas diante deles, porque eu sou contigo para te livrar, diz o Senhor.
“Depois disso, ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então, disse eu: eis-me aqui, envia-me a mim.” ()
Sociedade Bíblica do Brasil, Almeida Revista e Corrigida (Sociedade Bíblica do Brasil, 2009), .
eis me aqui senhor.

II. Satisfação

A verdadeira satisfação não está nas coisas perecíveis desta terra. Só se aprende ter felicidade quando aprendemos ser discípulo.

Discípulo não questiona; aprende;

Discípulo quer aprender. Discípulo não ordena; mas recebe ordem. Os discípulos não exigiram milagres de Jesus, nunca encontramos tal expressão faz um milagre em mim para adquirir isso ou adquirir aquilo. O discípulo sabe que os bens é consequência de sua fidelidade no serviço do mestre. Discípulo sempre quer ter a instrução do mestre. Quando não compreendia as parábolas de Jesus, diziam, não entendemos senhor, explica nos o que isso significa. No serviço de Deus quando temos verdadeira alegria em fazer, quando não entendemos queremos que Jesus nos orienta. “Então ele deixou a multidão e foi para casa. Seus discípulos aproximaram-se dele e disseram: "Explica-nos a parábola do joio no campo". () NVI
) NVI

Satisfação no desconforto;

Qualquer desconforto é motivo para questionar a Deus até mesmo a sua soberania. Mas o crente que tem alegria no serviço de Deus sabe que as tribulações veem na vida do servo de Deus. Jesus disse: No mundo tereis aflições, mas sabe-se que em todas elas sais consolado pelo Espirito Santo de Deus. Ele é o nosso consolo neste mundo. Paulo e Silas em Filipos Deus os livrou do carcere “25 Perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam. 26 E, de repente, sobreveio um tão grande terremoto, que os alicerces do cárcere se moveram, e logo se abriram todas as portas, e foram soltas as prisões de todos.” ()
Atos dos Apóstolos 16.25–26 RC95
25 Perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam. 26 E, de repente, sobreveio um tão grande terremoto, que os alicerces do cárcere se moveram, e logo se abriram todas as portas, e foram soltas as prisões de todos.

Europa a terra dos sonhos;

Muitos saem de sua terra com mil e uma promessa à Deus; quando lá chegar, farei isso, farei aquilo, vou transformar a Europa; quando cá chega, tudo ao contrário, conforto faz desvanecer os interesse pelas coisas de Deus. Esquece-se do deserto que atravessou. Lembre! O deserto é uma aprendizagem. Nunca devemos esquecer disso.
“Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.” ()
Mateus 6.33 RC95
33 Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.

A satisfação não está nos bens que possuís, mas na salvação que Jesus proporciona;

Na alegria de partilhar o reino de Deus neste mundo com aqueles que vivem sem esperança da vida eterna com Deus.
“12 Irmãos, rogo-vos que sejais como eu, porque também eu sou como vós; nenhum mal me fizestes. 13 E vós sabeis que primeiro vos anunciei o evangelho estando em fraqueza da carne.” ( )
Gálatas 4.12–13 RC95
12 Irmãos, rogo-vos que sejais como eu, porque também eu sou como vós; nenhum mal me fizestes. 13 E vós sabeis que primeiro vos anunciei o evangelho estando em fraqueza da carne.
Gálatas 4.12 RC95
12 Irmãos, rogo-vos que sejais como eu, porque também eu sou como vós; nenhum mal me fizestes.

III. Os bens são passageiros, a salvação é eterna

O ser e não ter, ou ter e não ser;

Há muitos ricos pobres e muitos pobres ricos. A satisfação no serviço de Deus nos proporciona a verdadeira felicidade.
3 Ele, vendo a Pedro e a João, que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola. 4 E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós. 5 E olhou para eles, esperando receber alguma coisa. 6 E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro, mas o que tenho, isso te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda. 7 E, tomando-o pela mão direita, o levantou, e logo os seus pés e tornozelos se firmaram.” ()
3 Ele, vendo a Pedro e a João, que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola. 4 E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós. 5 E olhou para eles, esperando receber alguma coisa. 6 E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro, mas o que tenho, isso te dou. eEm nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda.” ()
7 E, tomando-o pela mão direita, o levantou, e logo os seus pés e tornozelos se firmaram. ()
e
. ()
Sociedade Bíblica do Brasil, Almeida Revista e Corrigida (Sociedade Bíblica do Brasil, 2009), .

Amanhã pode ser tarde;

Nunca deixes de fazer para Deus hoje o que você não pode fazer amanhã. "inverti o adágio”. Sempre adiamos no serviço de Deus. Sempre não encontramos tempo. E esta vida descontrolada de nossos dias, da busca do materialismo, leva afastar das prioridades de Deus.

O alerta;

Isaías 56.6 RC95
6 E aos filhos dos estrangeiros que se chegarem ao Senhor, para o servirem e para amarem o nome do Senhor, sendo deste modo servos seus, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem o meu concerto,
Isaías 56.6 RC95
6 E aos filhos dos estrangeiros que se chegarem ao Senhor, para o servirem e para amarem o nome do Senhor, sendo deste modo servos seus, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem o meu concerto,
Isaías 55.6 RC95
6 Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.
Buscai O hoje, fazei o serviço dEle hoje, priorize O hoje na sua vida, amanhã poderá ser tarde. Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.” ()

Tudo fica aqui;

Para a eternidade só podes levar ou entrar com à sua alma lavada e redimida no sangue de Jesus, ou ao contrário, nem isso podes levar se nada fizeres para lá chegar. Todos os teus bens que aqui adquires vai ficar por cá. Mas se semeares no reino de Deus, quando lá chegares, terás a sua recompensa.
“E, tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao Senhor e não aos homens, sabendo que recebereis do Senhor o galardão da herança, porque a Cristo, o Senhor, servis.” ()
“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.” (1 Co 15:58)

Conclusão:

Onde está a vossa alegria? Ela vai está onde estiver o seu tesouro. O conforto neste mundo é passageiro, mas a satisfação no serviço de Deus eleva-no a verdadeira felicidade de dever cumprido. Aguarda a nossa chegada na eternidade, quando Jesus com a sua graça nos receberá de braços abertos. Creio eu.
Acampamento Igreja Shalom de Sevilha - em Bias - Portugal
exportado para Word 25/08/2018
Related Media
Related Sermons