Faithlife Sermons

A cultura do nosso evangelho honra Cristo?

Pregações  •  Sermon  •  Submitted
0 ratings
· 1 view
Notes
Transcript
Gl 1.1-24.
Introdução
1. O evangelho é alto demais para ser compreendido por seres caídos. Não é tão fácil, é impossível para os orgulhosos e autoconfiantes. Mas é possível - pela graça de Deus, e a operação do Espírito do Senhor.
2. Deus enviou seu filho para morrer por nós. Não é tão simples superar a cultura gravada em nosso coração, e mudar para uma nova cultura.
3. A mudança sempre traz perdas - uma mudança de casa provoca quebra de objetos, arranhões em móveis e outros problemas. Porém, mudanças são necessárias por diversas situações. Mas, é preciso enxergar que se a mudança é melhor - então não tem como não mudar, mesmo que as perdas sejam compensadas com o novo.
I - A igreja de hoje vive o evangelho?
4. No nosso tempo, alguns = levantar uma faixa com os dizeres Jesus te ama. Outros dirão é fazer missão ou evangelizar.
5. Esse não é o principal papel da igreja, isso é a consequência da nosso encontro com o evanvelho, que transformou-nos de miseráveis pecadores, em santos em Deus.
6. O principal papel do evangelho é levar o homem a GLORIFICAR A DEUS. E glorificar a Deus não é louvorzão, não é show gospel, não é ter banda na igreja, não é nem ter microfone - Jesus falou de um barco na multidão que se reuniu na praia.
7. Por que é necessário falar isso? Porque muitos que entram nas igrejas acham que esse é o princípio de estar numa igreja - sentir-se bem, receber uma palavra que eleve sua estima. Como elevar a estima de uma pessoa? fazer ela enteder o evangelho.
II - O evangelho seria alguém aceitar Jesus?
8. A maioria dos pastores chamados pentecostais criaram uma regra nociva para que o Espírito Santo atue. A regra de fazer apelos à conversão. O apelo, na verdade, é um apelo, e tem por objetivo pressionar a pessoa a aceitar Jesus. Sabe o que isso significa? impedir a operação do Espírito. Quando você constrange alguém fazer sua vontade, não é Deus que trabalha.
9. Quando Deus trabalha acontece isto - v.10-12. Favor dos homens ou de Deus. Paulo não aceitou Jesus. Paulo foi transformado de transgressor arrogante, que achava-se santo por aprender e obedecer a Lei, e de forma mais perfeita possível - arrogância, soberba e orgulho. Isso acontece quando nos achamos bons demais para Deus não nos lançar no Lago que arde com enxofre - o inferno.
10. Como Deus vai amar esse tipo de gente? Preste atenção no que a Bíblia fala e, não naquilo que você acha até hoje - Rm 3.9-18.
11. Talvez você pense que isso foi escrito para os assassinos, bandidos, estupradores, violentos. Está escrito TODOS. Quem? TODOS.
12. Agora veja Jesus falando sobre isso - Mt 15.19.
13. Por isso Jesus diz: Jo 6.65 “: ninguém poderá vir a mim, se, pelo Pai, não lhe for concedido.” Quando Jesus pergunta - quem dizem que eu sou? Pedro - Tu és o Cristo, o filho do Deus vivo Mt 16.16 - Bem aventurado és, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelaram, mas meu Pai qu está nos céus.
III - Jesus convida em amor, mas não nega dificuldades.
14. Veja como Jesus tratava as pessoas que queria segui-lo - Lc 9.57-62. Jesus nunca tratava as pessoas com peninha ou dó, pelo contrário Ele dificultava a tarefa. Ele fazia o bem a todos, mas seus seguidores precisavam saber das dificuldades.
15. Lc 9.23 - Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, dia a dia tome a sua cruz e siga-me.
16. Uma multidão de discípulos seguia Jesus, porque viram os milagres e comeram do pão e do peixe multiplicados - mas quando Jesus começou a dizer que era necessário comer a sua carne e beber o seu sangue - abriu-se um vazio - todos foram se retirando, dizendo - duro é ouvir esse discurso. Jesus sabia a intenção do coração de todos - Jo 6.67 - quereis vós também retirar-vos?
17. Agora imagine um pastor da nossa época. Quando um se levanta e vai embora, ele é capaz de se ajoelhar para que a pessoa volte!
18. Por que Jesus parece dificultar para os que queriam seguí-lo? A resposta é simples - todos somos inimigos naturais de Jesus.
19. Jesus não convida para sermos resgatados da nossa perversão. E disse: Mt 11.25 “ exclamou Jesus: Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultaste estas coisas aos sábios e instruídos e as revelaste aos pequeninos.
20. A revelação é esta - Jesus é a vida, e a promessa da vida eterna não é para todos, a menos que se humilhem, reconheçam sua natureza inimiga de Deus, e deixem ser guiados por Deus.
Related Media
Related Sermons